Loading...

REGULAMENTO GRÁFICAS E DESIGNERS

Baixar regulamento

Este regulamento foi elaborado pela Comissão de Estudos e é anualmente melhorado agregando sugestões e críticas registradas formalmente pelos participantes do prêmio. O julgamento dos produtos ocorre em duas fases. 

É formada por um grupo de técnicos especialistas, representativos da Comissão Julgadora, que tem como responsabilidades atualizar, alterar e fazer valer o regulamento deste prêmio, podendo ser convocada durante as duas fases da avaliação para esclarecer e/ou estabelecer eventuais critérios necessários para questões não previstas no regulamento. Observações sobre os procedimentos do Prêmio serão analisadas, no entanto as deliberações da Comissão de Estudos são soberanas. 

A Comissão Julgadora será formada por profissionais que possuam indiscutível conhecimento técnico em processos gráficos ou em design gráfico e que não tenham vínculo empregatício com empresas gráficas. 

Farão parte da Comissão Julgadora o Coordenador do Prêmio e os Jurados. Ao Coordenador caberá a responsabilidade de orientar a Comissão Julgadora nos quesitos de avaliação durante o processo de julgamento e acompanhar todo o processo de avaliação. Todos os Jurados deverão atribuir notas aos produtos das categorias a que foram designados, de acordo com os critérios deste regulamento. 

Obs.: será permitida a participação de até quatro jurados da mesma empresa. 

Concorrem ao 30º Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini empresas gráficas que inscreverem produtos impressos dentro do território nacional, a partir de 15.09.2019 até a data de encerramento das inscrições em 21.01.2022, com exceção dos produtos participantes de Prêmios Regionais os quais obedecerão a condições dos regulamentos regionais. Produtos inscritos com data de impressão anterior ou posterior à estipulada não poderão concorrer, mesmo que não tenham sido inscritos nas edições anteriores deste concurso. 

Também podem concorrer ao Prêmio, na Categoria 14: Design Gráfico, empresas de criação ou design, escolas que ofereçam cursos nas áreas gráficas e, também, pessoas físicas, individualmente ou em grupos, desde que sejam as autoras legítimas dos projetos gráficos. 

Durante a análise dos produtos poderão ser feitas reclassificações de categorias, alterando a categoria em que os produtos foram inscritos, sempre validadas pela Comissão de Estudos do Prêmio. 

Os critérios de avaliação estão em conformidade com os quesitos de cada segmento descritos neste regulamento. 

É de responsabilidade da empresa gráfica solicitar aos seus clientes as autorizações para a inscrição de produtos. A ABTG não se responsabiliza por inscrições não autorizadas por clientes. 

Caberá à ABTG indicar os membros da Comissão Julgadora. Esses jurados serão profissionais de reconhecidas competências técnicas no segmento gráfico. 

Após a primeira fase do julgamento os produtos e projetos classificados ficarão expostos publicamente, por no mínimo cinco dias úteis. Contestações e recursos contra os resultados da primeira fase poderão ser apresentados até o final dessa exposição. Caso algum recurso ou contestação seja considerado procedente, os resultados do julgamento da primeira fase poderão ser alterados pela Comissão de Estudos. 

Os projetos inscritos no Segmento 11 - Inovação Tecnológica, Complexidade Técnica do Processo e no Segmento 15 – Sustentabilidade Ambiental serão tornados públicos após o julgamento. 

A veracidade das informações a respeito dos produtos é de responsabilidade da empresa gráfica que realiza a inscrição. Se ficar constatada a falsidade de informações que comprometa o julgamento do produto, este poderá ser desclassificado a critério da Comissão Julgadora. 

A Comissão de Estudos é a instância definitiva para decidir sobre quaisquer eventos, dúvidas, ou situações não previstas neste regulamento. 

No caso de desclassificação de produtos após o julgamento da primeira fase, não haverá reembolso do valor da inscrição. 

Os produtos concorrentes não serão devolvidos às empresas que os inscreveram. 

Só podem concorrer produtos produzidos no Brasil. 

Só concorrerá ao prêmio o produto cuja inscrição tenha sido paga até a data do encerramento das inscrições. 

Só concorrerá ao prêmio o produto cuja ficha de inscrição esteja corretamente preenchida e cuja cópia esteja anexada ao produto. 

Só haverá disputa nas categorias em que existirem, pelo menos, três produtos inscritos e de duas empresas diferentes, pelo menos. Em caso de cancelamento de categorias por ausência do número mínimo de produtos e/ou empresas competidoras os valores das inscrições serão devolvidos. 

Só poderão concorrer ao 30º Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini produtos que tenham produção, venda e distribuição regulares, excetuando-se as Categorias 5.7- Embalagens Sazonais, os Segmentos 9 - Produtos Próprios e 11.1 - Inovação Tecnológica, 11.2 - Complexidade Técnica do Processo, categoria 14- Design Gráfico e categoria 15- Sustentabilidade Ambiental. 

Embalagens, editoriais, promocionais e comerciais com tiragens abaixo de 500 unidades deverão ser inscritos no Segmento 13. 

Produtos que não se enquadram em nenhum segmento deverão ser inscritos no Segmento 16. 

Serão desclassificados modelos, protótipos ou complementos de tiragem, com a finalidade de participação no prêmio. 

Na primeira fase, cada segmento será avaliado por um grupo de, no mínimo, cinco jurados, sendo três técnicos e dois designers. 

Todos os produtos inscritos no Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini serão avaliados individualmente de acordo com os critérios estabelecidos por este regulamento. A cada produto serão atribuídas notas de um a dez que serão anotadas individualmente por cada jurado. 

Os cinco produtos com maior pontuação dentro da sua categoria concorrerão na segunda fase do Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini e receberão o título de Finalistas. 

Em caso de empate, considera-se a maior média do item técnico de avaliação para proceder ao desempate. 

Para o julgamento das categorias 11.1: Inovação Tecnológica e 11.2: Complexidade Técnica do Processo, será designada uma comissão julgadora composta por, no mínimo, cinco técnicos especialistas. As categorias 7.6: Impressos de Segurança e 1.8: Photobook Digital serão avaliadas pela mesma comissão técnica das categorias 11.1 e 11.2, acrescida de dois jurados de design. O julgamento destas categorias será realizado em uma única fase. 

A categoria 14 – Design será julgada por cinco especialistas da área, em uma única fase. 

A categoria 15 – Sustentabilidade Ambiental – será julgada por três especialistas no assunto em uma única fase. Os projetos inscritos serão encaminhados, uma semana antes do julgamento, para análise.

Na segunda fase, toda a Comissão Julgadora avaliará e atribuirá nota a todos os produtos finalistas. Os jurados, individualmente, atribuirão notas de sete a dez para cada produto finalista. 

Os jurados votarão no Melhor Atributo Técnico do Processo descritos no regulamento e os cinco finalistas de cada atributo serão analisados pela Comissão Técnica do Prêmio, que definirá os vencedores. 

A apuração das notas será feita por auditoria independente que registrará os nomes dos ganhadores em envelopes lacrados. Um ou mais representantes da Comissão de Estudos acompanharão o trabalho dos auditores, efetuando inclusive amostragens estatísticas dos resultados apurados com o objetivo de evitar erros nas transcrições das apurações e dados pertinentes. 

Serão considerados empatados os produtos que receberem notas com diferença máxima de dois centésimos (0,02). Nesses casos a Comissão de Estudos realizará novo julgamento para desempate. 

Os envelopes lacrados com os nomes dos ganhadores, até então em poder da auditoria, serão entregues ao apresentador na noite da cerimônia de entrega dos Prêmios. 

Após a entrega dos Prêmios, serão disponibilizadas para as gráficas, individualmente, via internet, em 60 dias, as médias das notas obtidas na primeira fase e as médias das notas dos finalistas da categoria em que concorreram. As notas dos produtos finalistas não serão informadas individualmente. 

Os produtos inscritos nos segmentos de 1 a 10 e no segmento 12, 13 e 16, do Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini, serão avaliados conforme os seguintes quesitos: 

Avaliação Técnica (peso 4) 

Pré-Impressão: 

  • Resolução (ausência de defeitos como pixelização) 
  • Nitidez adequada (sharping) 
  • Curvas tonais e balanço de grises 
  • Retoques, fusões (ausência de defeitos, qualidade das máscaras) 
  • Ausência de defeitos de trapping como filetes, falta de sangria e emendas inadequadas nas páginas duplas 

Impressão: 

  • Precisão de registros 
  • Ausência de defeitos como veladuras, riscos, sujidades, “caroços” etc 
  • Ausência de ganho de ponto excessivo, distorções em linhas finas, distorções em fontes etc 
  • Grau de dificuldade 

Acabamento: 

  • Complexidade das operações envolvidas 
  • Funcionalidade (por exemplo – se um livro abre o suficiente, se a embalagem abre e fecha adequadamente) 
  • Qualidade e formato de corte e/ou de dobra 

Avaliação de Criação (peso 1) 

  • Funcionalidade e adequação do projeto à sua finalidade 
  • Aproveitamento dos recursos gráficos disponíveis 
  • Uso criativo dos fundamentos da linguagem visual 

Os produtos inscritos nas categorias 1.8: Photobook Digital, 7.5: Impressos de Segurança, 11.1: Inovação Tecnológica, 11.2: Complexidade Técnica do Processo, Categoria 14: Design Gráfico e Categoria 15: Sustentabilidade Ambiental serão avaliados com base nos descritivos técnicos e de acordo com os critérios mencionados neste regulamento. 

Os finalistas, em cada categoria, concorrerão aos Grand Prix da Indústria Gráfica – “Melhor Impressão Digital”, “Melhor Impressão Offset Plana”, “Melhor Impressão em Offset Rotativa Heatset”, “Melhor Acabamento Editorial”, “Melhor Acabamento Cartotécnico”, Para essas premiações serão avaliados todos os cinco finalistas, com exceção das categorias 1.8 (Photobook digital); 5.7 (Embalagens flexíveis impressas em flexografia); 7.5 (Impressos de segurança); do Segmento 9 (Produtos Próprios); do Segmento 10 (Impressão serigráfica); das categorias 11.1 (Inovação Tecnológica) e 11.2 (Complexidade Técnica do Processo); 14 (Design Gráfico) e 15 (Sustentabilidade Ambiental). 

Participarão da avaliação de Atributos Técnicos do Processo somente os produtos das categorias que tiverem, no mínimo, três empresas finalistas dentro do processo. 

A inscrição dos produtos deverá ser feita pela internet por meio de ferramenta específica que estará disponível no site do www.fernandopini.org.br 

Para cada produto deverá ser feita uma inscrição. O programa solicitará que sejam fornecidas características técnicas do produto e informações dos equipamentos e insumos utilizados para produzir a peça. 

Todos os campos deverão ser devidamente preenchidos, de forma a validar a inscrição do produto. 

Deverão ser enviadas, preferencialmente, três amostras do produto. 

• Cada amostra deverá ser acompanhada de uma cópia da ficha de inscrição. A ficha de inscrição deve estar devidamente preenchida. 

• Devem ser observadas as condições de inscrição das categorias. 

Só concorrerão os produtos cuja taxa de inscrição esteja paga até 21 de janeiro de 2022. 

Valores especiais para inscrição dos produtos até 14 de janeiro de 2022: 

Associados adimplentes - R$ 475,00 

Não associados: R$ 690,00 

Valores de inscrição de 17 a 21 de janeiro de 2022: 

Associados adimplentes – R$ 530,00 

Não associados: R$ 745,00 

Descontos especiais para várias inscrições: 

De 8 a 15 produtos: 5% 

De 16 a 30 produtos: 8% 

De 31 a 50 produtos: 12% 

Acima de 50 produtos: 15% 

 

Período de inscrições com desconto: 11/10/2021 à 14/01/2022 

Período das inscrições sem desconto: 17 à 21 de janeiro de 2022 

Entrega das peças no local para julgamento: 03 a 28 de janeiro de 2022 

Exposição das peças: 21 a 25 de fevereiro de 2022 

Julgamento 1ª fase: 08 e 09 de fevereiro de 2022 

Julgamento 2ª fase: 08 e 09 de março de 2022 

Premiação: Abril de 2022 

  1. Não serão fornecidas placas de finalistas, as empresas gráficas que optarem por receber as placas para os produtos finalistas poderão adquiri-las com 50% de desconto. 
  2. Troféus de ganhador serão dados para os produtos vencedores no dia da festa. As réplicas poderão ser adquiridas. 

LIVROS

Coleções deverão ser inscritas nas categorias individuais mais adequadas. 

Tiragens até 500 unidades, produzidas em sistemas digitais ou híbridos, devem ser inscritos no segmento 13. 

 

Categoria 1.1: Livros de texto 

Publicações com predominância de textos. Podem conter páginas ilustradas desde que estas não ultrapassem 5% sobre o total das páginas do miolo. As capas desses livros podem ser ilustradas ou não. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.2: Livros culturais e de arte 

Publicações que mostram manifestações culturais, obras de pintura, escultura, festas populares ou religiosas e outras manifestações culturais e/ou artísticas. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.3: Livros institucionais 

Publicações que apresentam empresas ou instituições de qualquer natureza, divulgando sua história, suas atividades e realizações, sua participação na economia ou em um determinado setor, realizações com a comunidade etc. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.4: Livros infantis/juvenis 

Publicações não didáticas dirigidas ao público infanto-juvenil. Podem ser de histórias e contos, livros para montar, colar, recortar, colorir e outros. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.5: Livros ilustrados e livros técnicos 

Publicações com textos e imagens (fotos ou ilustrações). Podem ser obras de literatura ou de não-ficção, inclusive sobre temas técnicos ou científicos, como os de mecânica, construção, informática, medicina, culinária etc. A quantidade de páginas ilustradas deve ser superior a 5% do total de páginas do miolo. As capas podem ou não ser ilustradas. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.6: Livros didáticos 

Publicações didáticas, utilizadas por professores e alunos no ensino fundamental (inclusive pré-escola) e/ou no ensino médio, com exceção dos livros utilizados no ensino de nível técnico de nível médio que devem ser inscritos na categoria 1.5 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares e não poderão ser livros infantis, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 1.7: Guias, manuais e anuários 

Impressos que trazem informações práticas sobre localização de cidades, ruas, atrações turísticas ou instruções de procedimentos, de serviços ou de produtos. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. Não serão aceitos produtos próprios. 

 

Categoria 1.8: Photobook digital 

Impressos por tecnologia digital, com diferentes tipos de acabamento. São constituídos predominantemente por imagens de eventos como casamentos, viagens, aniversários, formaturas etc. 

Não são publicações comerciais (ISBN e ISSN proibidos). As tiragens são muito baixas, podendo mesmo ser unitária. 

Obs.: É obrigatório o envio do descritivo técnico que deverá conter, no mínimo, as informações especificadas e disponibilizadas no formulário de inscrição. 

 

REVISTAS

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

 

Categoria 2.1: Revistas periódicas de caráter variado sem recursos gráficos especiais 

Publicações periódicas que contenham seções permanentes e assuntos atuais e tragam informações e reportagens diversas. Podem ser especializadas ou não. As revistas inscritas nesta categoria não podem conter recursos gráficos diferenciados em relação às edições comuns daquele título. Deverá constar expediente na publicação. 

Obs. 1: Nesta categoria laminação, verniz total inclusive UV e plastificação não são considerados recursos especiais. 

Obs. 2: Verniz High Gloss com reserva é considerado efeito especial. 

Obs. 3: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 2.2: Revistas periódicas de caráter variado com recursos gráficos especiais 

Publicações periódicas que contenham seções permanentes e assuntos atuais e tragam informações e reportagens diversas. Podem ser especializadas ou não. As revistas inscritas nesta categoria devem conter algum recurso gráfico diferenciado em relação às edições comuns daquele título. Deverá constar expediente na publicação. 

Obs. 1: Nesta categoria laminação, verniz total inclusive UV e plastificação não são considerados recurso especial. 

Obs. 2: Verniz High Gloss com reserva é considerado efeito especial 

Obs. 3: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 2.3: Revistas infantis/juvenis ou de desenhos 

Publicações periódicas dirigidas ao público infantil e juvenil, como quadrinhos, 

gibis, pintura e desenho; de caráter educativo, ou não, de apoio às escolas, para exercícios, trabalhos escolares e outros. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 2.4: Revistas institucionais 

Publicações periódicas que circulam dentro de um setor, empresa ou indústria e que apresentam clientes, fornecedores e reportagens de interesse específico. 

Obs.: Nesta categoria podem ser inscritas revistas institucionais da própria gráfica. 

JORNAIS

 

Categoria 3.1: Jornais diários impressos em coldset 

Periódicos informativos de impressão diária. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 3.2: Jornais de circulação não diária 

Periódicos informativos que não circulam diariamente. Podem ser impressos em qualquer sistema. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

PRODUTOS PARA IDENTIFICAÇÃO

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

Nestas categorias, as amostras deverão ser enviadas destacadas dos produtos, de modo a facilitar a avaliação dos jurados. Se vierem presas a uma base (como por exemplo uma folha de cartão) não poderão estar totalmente coladas a ela. 

 

Categoria 4.1: Rótulos convencionais com e sem efeitos especiais 

Impressos que se destinam à decoração ou identificação de produtos, com ou sem aplicação de efeitos especiais. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares 

 

Categoria 4.2: Rótulos em autoadesivo sem efeitos especiais 

Impressos em autoadesivo que se destinam à decoração ou identificação de produtos, sem aplicação de efeitos especiais. O uso de tinta metálica, verniz e laminação total não conferem efeito especial aos produtos desta categoria. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 4.3: Rótulos em autoadesivo com efeitos especiais 

Impressos em autoadesivo que se destinam à decoração ou identificação de produtos, com aplicação de efeitos especiais, tais como hot stamping, relevo e holografia. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 4.4: Etiquetas 

Impressos para fins de identificação ou para informações complementares de produtos. Diferentemente do rótulo, não são colados sobre a embalagem ou sobre o produto. Podem ser impressos em diferentes substratos, inclusive rígidos e semirrígidos. Também conhecidos como “tags”. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

ACONDICIONAMENTO

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

Tiragens até 500 unidades, produzidas em sistemas digitais ou híbridos, inscrever no segmento 13. 

 

Categoria 5.1: Embalagens semirrígidas sem efeitos gráficos 

Produtos gráficos com finalidade de acondicionamento. Os seguintes recursos podem ser utilizados: corte e vinco e fechamento simples com a utilização de um único verniz total, tais como: embalagens farmacêuticas, frigorificadas entre outras. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 5.2: Embalagens semirrígidas com efeitos gráficos 

Produtos gráficos com a finalidade de acondicionamento. Os seguintes recursos podem ser utilizados: corte e vinco e fechamento simples, utilização de um único verniz total ou com reserva, inclusive UV, laminação, plastificação, impressão sobre papel metálico, utilização de tintas metálicas e relevo seco tais como: embalagens frigorificadas, de cosméticos, produtos de limpeza entre outras. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

 

Categoria 5.3: Embalagens semirrígidas com efeitos gráficos especiais 

Produtos gráficos com finalidade de acondicionamento. Os seguintes recursos podem ser utilizados: holografia, hot stamping, alto-relevo, corte e vinco convencional ou especial e/ou outros recursos diferenciados de acabamento, podendo ser utilizados dois ou mais vernizes combinados ou não, tais como: embalagens frigorificadas, de cosméticos, produtos de limpeza entre outras. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares, com tiragens superiores a 500 unidades. 

Categoria 5.4: Embalagens de micro-ondulados com e sem efeitos especiais 

Produtos gráficos com finalidade de acondicionamento, que podem ser impressos como embalagens semirrígidas e acoplados ao micro-ondulado por meio de colagem; ou impressos diretamente na superfície do micro-ondulado. Os produtos inscritos nesta categoria não podem ser kits promocionais ou embalagens sazonais. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 5.5: Embalagens sazonais 

Embalagens para acondicionamento de produtos com venda irregular ou sazonal; de produtos que não são destinados à venda; de produtos destinados a eventos, promoções específicas etc. As embalagens desta categoria podem ser impressas em quaisquer substratos de impressão. 

Obs: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 5.6: Sacolas 

Saco confeccionado em papel, cartão duplex, triplex ou plástico, providas de alças, utilizadas para acondicionar ou transportar produtos adquiridos em lojas, supermercados e outros. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 5.7: Embalagens flexíveis impressas em flexografia 

Impressos pelo sistema flexográfico, sobre substratos flexíveis, com a finalidade de acondicionamento, podendo ser laminados ou acoplados em uma ou mais camadas entre si. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

PROMOCIONAL

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

 

Categoria 6.1: Pôsteres e cartazes 

Impressos para serem fixados, geralmente com função publicitária ou informativa, podendo incluir efeitos especiais como aplicação de cores metálicas, relevo, hot stamping, efeitos tridimensionais como holografia e outros. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.2: Catálogos promocionais e de arte sem efeitos gráficos especiais 

Trabalhos com lombada quadrada ou brochuras que apresentam informações de obras de arte, exposições, vernissage, comerciais, de produtos, serviços e outros, que não contenham recursos gráficos especiais. 

Obs. 1: Verniz total, inclusive UV, laminação e plastificação não são considerados efeitos especiais. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.3: Catálogos promocionais e de arte com efeitos gráficos especiais 

Trabalhos com lombada quadrada ou brochuras que apresentam informações de obras de arte, exposições, vernissage, comerciais, de produtos, serviços e outros, que contenham recursos gráficos especiais. 

Obs. 1: Verniz total, inclusive UV, laminação e plastificação não são considerados efeitos especiais. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.4: Relatórios de empresas 

Publicações que apresentem balanços financeiros, resultados de atividades desenvolvidas ao longo de um período definido, trabalhos de pesquisa ou culturais e outros, de uma empresa ou instituição. 

Obs. 1: Serão avaliados somente os componentes resultantes de processos gráficos. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.5: Folhetos publicitários 

Folhetos sem periodicidade, de qualquer tamanho, com ou sem dobras, que têm a finalidade de divulgar e motivar o consumo de produtos ou serviços. Esta categoria inclui as malas diretas. 

Obs. 1: Trabalhos com lombadas ou brochuras serão considerados catálogos. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.6: Kits promocionais 

Conjuntos de impressos e produtos com a mesma programação visual, formando uma única peça, com finalidade promocional e não destinados à venda. As amostras de kits deverão ser enviadas completas, ou seja, com todos os produtos que os compõem. 

Obs. 1: Nesta categoria não podem ser inscritos kits próprios. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria não poderão ser desmembrados e inscritos separadamente. 

Obs. 3: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

Categoria 6.7: Displays, móbiles e materiais de ponto de venda de mesa 

São peças de propaganda ou promoção de vendas, impressas sobre qualquer tipo de substrato, exibidas em pontos de venda sobre mesas e balcões ou penduradas. 

Obs. 1: Nesta categoria não podem ser inscritos produtos próprios. 

Obs. 2: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.8: Displays e materiais de ponto de venda de chão 

São peças de propaganda ou promoção de vendas, impressas sobre qualquer tipo de substrato, exibidas no chão nos pontos de venda. 

Obs. 1: Nesta categoria não podem ser inscritos produtos próprios. 

Obs. 2: Enviar somente duas peças sendo que uma será montada para análise dos jurados e a outra na exposição da festa. 

Obs. 3: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 6.9: Calendários de mesa e de parede 

Impressos que indicam dias, semanas, meses, e que apresentem dispositivo ou suporte para permanecer sobre a mesa ou para serem pendurados ou fixados na parede. Nesta categoria não podem ser inscritos calendários próprios. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

COMERCIAL

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

 

Categoria 7.1: Cartões de mensagem 

Impressos que contêm mensagens, ilustrações, motivos decorativos ou condecorações. 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.2: Convites 

Impressos que contêm mensagens, ilustrações ou motivos decorativos que formalizam um convite em geral, inclusive convites de formatura. 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.3: Cartões de visita 

Impressos que contêm informações pessoais ou de negócios, tais como: nome, endereço, telefone e cargo. 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.4: Papelarias, certificados e diplomas 

Papéis de carta, envelopes, diplomas e certificados sem itens de segurança. Podem ser inscritos kits mas desde que não incluam catálogos ou folhetos (nesse caso a inscrição será considerada em 6.6 - Kits promocionais). 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.5: Impressos de segurança 

Produtos gráficos impressos com a finalidade de dificultar a falsificação ou cópia não autorizada. Enquadram-se nesta categoria talões de cheques, ações, selos, notas promissórias, diplomas, certificados, vales, ingressos a espetáculos entre outros. Uma vez que os critérios de avaliação são baseados na avaliação do produto à luz do descritivo técnico completo, este deve obrigatoriamente acompanhar o produto. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

Categoria 7.6: Cadernos escolares em conformidade com a norma ABNT NBR 15733 

Caderno espiralado: Produto constituído de folhas de papel colocadas umas sobre as outras, espiraladas, com capa e contracapa. 

Caderno costurado: Produto constituído de folhas de papel colocadas umas sobre as outras, dobradas ao meio, costuradas ao centro, com capa e contracapa. 

Caderno colado: Produto constituído de folhas de papel colocadas umas sobre as outras, coladas no lombo e com capa e contracapa. 

Caderno argolado (Fichários): Produto constituído de folhas de papel colocadas umas sobre as outras, fixadas por argolas, com capa e contracapa. 

Caderno grampeado: Produto constituído de folhas de papel colocadas umas sobre as outras e dobradas ao meio, unidas na dobra por grampos, com capa e contracapa, podendo ser de dois tipos: vertical ou horizontal. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 7.7: Cadernos em geral 

Cadernos com páginas pautadas ou não. Não devem seguir padrão definido pela norma ABNT 15733. 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.8: Agendas 

Livros ou cadernos impressos em que se anotam compromissos do dia-a-dia. 

Obs.: Nesta categoria não poderão ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 7.9: Cardápios 

Impressos que contêm relação de pratos ou bebidas disponibilizadas por restaurantes, bares, lanchonete entre outros. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

PRODUTOS IMPRESSOS EM ROTATIVA OFFSET "HEATSET"

 

Categoria 8.1: Revistas em geral 

Publicações quinzenais, mensais, bimestrais, trimestrais, semestrais e anuais. Podem ser especializadas ou não. A avaliação do júri será focada somente na parte impressa em rotativa offset heatset. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 8.3: Catálogos e folhetos promocionais 

Folhetos e catálogos (livros ou brochuras) que apresentam informações comerciais, de produtos, serviços e outros. A avaliação do júri será focada somente na parte impressa em rotativa offset heatset. Podem ser de qualquer tamanho, podendo ou não ter dobras (no caso dos folhetos) e sem periodicidade fixa. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

PRODUTOS PRÓPRIOS

Podem ser inscritos produtos produzidos em qualquer processo de impressão. 

Neste segmento devem ser inscritos os produtos gráficos destinados à própria gráfica, tanto com a finalidade de uso interno como promocional, tal como brindes para clientes. 

 

Categoria 9.1: Kits promocionais 

Conjuntos de impressos e produtos com a mesma programação visual, com finalidade promocional da própria gráfica. As amostras dos kits devem ser enviadas completas, ou seja, com todos os produtos que os compõem. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria, não poderão ser desmembrados e inscritos separadamente. 

 

Categoria 9.2: Calendários 

Impressos que indicam dias, semanas, meses, podendo ser de mesa ou parede. 

 

Categoria 9.3: Impressos promocionais 

Trabalhos que fornecem informações de produtos ou serviços, lançamentos ou promoções da empresa gráfica. 

 

Categoria 9.4: Sacolas próprias 

Saco confeccionado em papel, cartão duplex, triplex ou plástico, providas de alças, utilizadas para acondicionar ou transportar produtos. 

 

Categoria 9.5: Cartões de visitas e papelarias 

Cartões de visita, papéis de cartas, blocos, pastas e 

IMPRESSÃO SERIGRÁFICA

 

Categoria 10.1: Impressão serigráfica 

Enquadram-se nessa categoria impressos feitos exclusivamente em processo serigráfico, em substrato celulósicos, metálicos e plásticos, independente do formato. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA, COMPLEXIDADE TÉCNICA DO PROCESSO

 

Categoria 11.1: Inovação tecnológica 

A inovação pode ser um produto, um recurso aplicado ao produto ou um processo de produção. A inovação deve ser percebida pelo mercado (clientes das empresas) como tal e não deve ter sido utilizada anteriormente por outras empresas. Não será considerado inovação o aperfeiçoamento de processos já utilizados normalmente. 

Também podem ser inscritos nesta categoria produtos feitos a partir de processos de impressão, mas que não são considerados impressos tradicionais. O mercado vem nomeando essas inovações como “impressão funcional” ou “impressão industrial”, significando que “substrato” ou “tinta” desempenham outras funções como, por exemplo, transmissão de corrente elétrica. Nesse caso as empresas concorrentes não precisam ser exclusivamente classificadas como indústrias gráficas. Também podem se inscrever escolas que ofereçam cursos nas áreas gráficas. 

A avaliação será feita a partir do descritivo técnico, que deve obrigatoriamente acompanhar o produto. São elementos essenciais do descritivo técnico: nome do trabalho, descrição detalhada do processo inovador utilizado, justificativa para a necessidade de desenvolvimento do processo inovador e outras informações consideradas relevantes pela empresa. A ausência dessas informações incorrerá na desclassificação do produto inscrito. 

 

Categoria 11.2: Complexidade técnica do processo 

Nesta categoria enquadram-se todos os produtos gráficos que possuam complexidades fora do comum na realização dos seus processos, em qualquer fase. Nesta categoria também poderão ser inscritos casos de sucesso da Indústria Gráfica. Os critérios serão avaliados através do descritivo técnico, que deve obrigatoriamente acompanhar o produto. 

São elementos essenciais do descritivo técnico: nome do trabalho, descrição detalhada dos procedimentos que caracterizam a complexidade fora do comum do processo de produção e outras informações consideradas relevantes pela empresa. A ausência dessas informações incorrerá na desclassificação do produto inscrito. 

SINALIZAÇÃO

 

Categoria 12.1: Impressão digital em grandes formatos 

Nesta categoria enquadram-se produtos gráficos, impressos em sistemas digitais de grandes formatos, cujo lado menor tenha pelo menos 1,20 m. Para aqueles trabalhos que excederem 1,20 m por 1,20 m, deve ser enviada uma amostra de 60 x 60 cm de parte representativa do trabalho e uma foto impressa em formato A3, de alta resolução, do trabalho montado. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

 

Categoria 12.2: Impressão digital em pequenos e médios formatos 

Nesta categoria enquadram-se produtos gráficos, impressos em sistemas digitais cujo lado maior tenha no máximo 1,20 m. 

Obs.: Todos os produtos inscritos nesta categoria deverão ter produção, venda e/ou distribuição regulares. 

PRODUTOS DE BAIXAS TIRAGEM

Impressos com tiragens de até 500 unidades, produzidas em sistemas digitais ou híbridos com produção, venda e/ou distribuição regulares. Todos os produtos inscritos neste segmento deverão ter produção, venda e distribuição regulares. Não podem ser inscritos produtos próprios. 

 

Categoria 13.1: Editorial: 

Todos os tipos de livros, revistas e jornais, correspondentes aos Segmento 1, 2 e 3. 

 

Categoria 13.2: Identificação e acondicionamento: 

Rótulos, etiquetas e embalagens em geral, correspondentes aos Segmentos 4 e 5 

 

Categoria 13.3: Promocional e comercial:

Todos os tipos de impressos destinados à publicidade, propaganda e divulgação de produtos e serviços, correspondentes aos Segmentos 6 e 7.

 

DESIGN GRÁFICO

Poderão se inscrever pessoas físicas ou jurídicas 

 

Categoria 14: Design Gráfico 

Podem ser inscritos quaisquer produtos gráficos, impressos sobre quaisquer materiais e por qualquer processo de impressão e acabamento. A avaliação será feita com base no projeto gráfico (design) a partir de amostras impressas dos trabalhos finais. As inscrições podem ser realizadas por empresas gráficas ou de criação ou design, escolas que ofereçam cursos nas áreas gráficas e, também, por pessoas físicas, individualmente ou em grupos, desde que sejam as autoras legítimas dos projetos gráficos. 

Os produtos aos quais os projetos gráficos correspondem devem ter produção, venda e/ou distribuição regulares. Não podem ser inscritos produtos próprios. 

 

Critérios de Avaliação: 

Escolha (especificação) de materiais 

Funcionalidade e adequação do projeto à sua finalidade 

Aproveitamento dos recursos gráficos disponíveis 

Uso criativo dos fundamentos da linguagem visual 

Qualidade do produto em geral

 

SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL

Poderão se inscrever gráficas e fornecedores 

Categoria 15: Sustentabilidade ambiental 

Nesta categoria serão premiados aperfeiçoamentos em produtos ou em processos que resultem em redução do seu impacto ambiental. Será avaliada a melhoria que promoveu redução do impacto ambiental em comparação com produtos e processos anteriores da própria empresa ou em comparação com as práticas usuais do mercado. Os cases deverão ser sempre novos – não podem concorrer cases ganhadores em anos anteriores com a justificativa de que estão sendo continuados/ mantidos. Podem concorrer a este prêmio gráficas, escolas que ofereçam cursos nas áreas gráficas e, também, empresas fornecedoras, desde que o case seja de produção nacional. 

Os critérios serão avaliados por meio de um descritivo técnico, que deve obrigatoriamente acompanhar a inscrição. A ausência dessas informações incorrerá na desclassificação do projeto inscrito. Poderão ser enviadas também amostras ou outros documentos que comprovem ou ilustrem o projeto. 

 

O descritivo técnico deve conter: 

Título do projeto 

Objetivo 

Expor qual o problema a ser resolvido ou qual a situação a ser melhorada 

Máximo 500 caracteres 

 

Descrição detalhada 

Expor as ações realizadas: procedimentos implementados, alterações de processos, substituição de materiais/insumos etc. 

Máximo 3.000 caracteres

 

Resultados pretendidos e alcançados 

Apresentar indicadores da situação antes da implementação das ações e após. 

Anexar evidências dos indicadores antes e depois. 

Descrever próximas ações (se for o caso) 

Máximo 1.000 caracteres 

Comentários adicionais 

Outras informações que a empresa julgar relevantes para avaliação do projeto 

Máximo 1.000 caracteres. 

 

IMPRESSOS DIVERSOS

 

Categoria 16: Impressos Diversos 

Nesta categoria deverão ser inscritos quaisquer produtos gráficos que não se enquadrem em nenhuma das categorias anteriores, produzidos em qualquer suporte. 

ATRIBUTOS TÉCNICOS DO PROCESSO

Dentre os produtos finalistas nos segmentos de 1 a 8, 12 e 13 serão escolhidas as peças a serem premiadas como: 

 

Melhor atributo 1 - impressão digital 

Melhor atributo 2 - impressão offset plana 

Melhor atributo 3 - impressão rotativa heatset 

Melhor atributo 4 - acabamento editorial 

Melhor atributo 5 - acabamento cartotécnico 

Participarão da avaliação de atributo técnico do processo somente os produtos das categorias em que houver pelo menos três empresas finalistas.  

Aprovado pela Comissão de Estudos do Prêmio Brasileiro de Excelência Gráfica Fernando Pini. 

Manoel Manteigas de Oliveira - Presidente 

Francisco Veloso Filho - Coordenador 

Bruno Cialone 

Bruno Mortara 

Elcio de Sousa 

Enéias Nunes da Silva 

Baixe o regulamento na íntegra!

Concorra ao Prêmio Fernando Pini e tenha a garantia de sua excelência.

Aguarde! Previsão de abertura para inscrições
01 de outubro de 2021.

Associe-se

Se você deseja ser um associado da ABTG, preencha o campo abaixo e descubra todas as vantagens!

O campo E-MAIL é obrigatório.

Interesse enviado com sucesso!

Em breve entraremos em contato.

Realização
Patrocinadores

Contato

Ficou com alguma dúvida sobre o prêmio? Você pode entrar em contato conosco pelo formulário ao lado ou pelo telefone abaixo. Deixe sua marca na Indústria Gráfica!

+55 (11) 2797-6700

Button Button Button Button Button


O campo Nome é obrigatório.

O campo Email é obrigatório.
O campo Telefone é obrigatório.
O campo Mensagem é obrigatório.

Mensagem enviada com Sucesso!

Responderemos o mais breve possível.